SÉTIMA ARTE: ARRANHA-CÉU

11/07/2018



O prédio mais alto do mundo em chamas, uma conspiração criminosa e um pai desesperado para salvar a família. Skyscraper (no Brasil, Arranha céu: coragem sem limite) é tudo o que se espera de um filme com Dwayne “The Rock” Johnson, o ex-lutador de 118 kg que estreou como ator em O Retorno da Múmia (2001). Cheio de ação, com cenas impossíveis e final previsível, o filme é divertidíssimo para quem é fã do gênero filme catástrofe/dramalhão (eu!).

No filme, que estreia no Brasil em 12 de julho, o personagem de Dwayne, Will Sawyer, é um ex-agente do FBI que, após um acidente traumático, tem uma perna amputada. No hospital, após o acidente, Will conhece Sarah (Neve Campbell), uma médica que serviu no Afeganistão, com quem se casa e tem dois filhos, Georgia (McKenna Roberts) e Henry (Noah Cottrell).

Dez anos depois, Will tem uma empresa de segurança e é chamado a Hong Kong para inspecionar o prédio mais alto do mundo, que está prestes a ser inaugurado. Ele fica hospedado no prédio com a família, e tudo corre bem até que uma conspiração criminosa coloca o local em chamas. Will faz o impossível (literalmente) para proteger a esposa e os filhos.

Aliás, desde que o pôster do filme foi divulgado, não faltou gente para dizer que a cena em que o ator pula de um guindaste em direção ao prédio é cientificamente absurda. 



Há muitas outras cenas como essa, mas não me incomodam nem um pouco. Apesar do exagero e da fórmula pronta (a gente sabe que vai dar tudo certo no final, e mesmo assim fica tenso o tempo inteiro com as façanhas de Dwayne), o filme é um jeito superdivertido de passar 1h42 min.  



Arranha-céu: coragem sem limite (Skyscraper)
Estados Unidos, 2018, 1h42.
Direção de Rawson Marshall Thurber. Com Dwayne Johnson e Neve Campbell.

Confira também o episódio do Geekburger que eu gravei com o Luís Volkweis e o Evandro Morais:



Jornalista e fundadora da Think, Mario Estúdio de Conteúdo. Escreve sobre cultura, educação, gastronomia e o que mais der vontade. Ainda sonha em ser patinadora do Carrefour.

Ana Karina (ou só Karina) é a criadora e autora do blog Da Literatura. É gaúcha de Porto Alegre, geminiana tagarela e mãe da Capitu e do Bilbo. Atua como professora de Literatura e Língua Portuguesa da rede municipal e ama a sua profissão. Viciada em livros, cinema, arte e cultura geek. Adora viajar, conversar e fazer piadas sem graça.

0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário