Sétima arte: Confiar (2010)

13/08/2018

.

Oi, gente!

Hoje a dica é de um filme que costumo trabalhar em sala de aula. Acho esse filme excelente, apesar de a temática ser pesada, mas o assunto é bem importante. Precisamos discutir sempre. Super recomendo.



Título no Brasil: Confiar
Título Original: Trust
País / Ano de Produção: 2010
Estreia: 23 de setembro de 2011
Direção de David Schwimmer
Roteiro de Andy Bellin e Robert Festinger
Elenco: Clive Owen, Catherine Keener, Liana Liberato, Jason Clarke, Viola Davis.
Gênero: Drama
Duração: 105 minutos


.






Sinopse: Will (Clive Owen) e Lynn (Catherine Keener) têm três filhos. Enquanto um está prestes a entrar para a faculdade, a filha do meio, Annie (Liana Liberato), começa a apresentar os sintomas comuns das adolescentes que querem se parecer mais velhas e ser aceitas entre seus pares. Publicitário bem sucedido e super envolvido com a profissão, Will procura ter uma relação de confiança com os filhos, mas Annie inicia um relacionamento no computador com um jovem de 16 anos e dá continuidade através do telefone. Sem que seus pais soubessem, ela aceita o convite dele para um encontro, mas a surpresa que ela tem no primeiro momento é só o começo de um pesadelo que marcará para sempre a sua vida e a de sua família.






A Condessa Sangrenta Erzsébet Báthory e a obra de Alejandra Pizarnik

11/08/2018




Ilustração de Santiago Caruso para a obra
"A Condessa Sangrenta", de Alejandra Pizarnik

Erzsébet Báthory – ou Elisabete, em português – foi uma condessa húngara que entrou para a História da Humanidade por supostamente ter cometido uma série de crimes hediondos e macabros. Personalidade controversa, Elisabete foi considerada uma das pessoas mais cruéis de sua época, e sobre ela e seus hábitos desumanos, muito se relatou em lendas húngaras do século XVI e XVII.

No dia 7 de agosto, comemora-se o aniversário da condessa, que nascera em 1560. Elisabete Báthory sempre é lembrada em outubro, época em que normalmente se contam muitas histórias de terror e é uma das personagens históricas mais inspiradoras da arte, sendo incontáveis as referências que lhe têm sido feitas no cinema, na literatura, na música e nas artes visuais.

Conheci a história de Elisabete Báthory em 2016 através da leitura da obra  A Condessa Sangrenta, de Alejandra Pizarnik, para o Projeto Vórtice Fantástico de que participo, aqui em Porto Alegre. O livro foi escrito na década de 1960, inspirado por Erzébet Bathory: La comtesse Sanglante, de Valentine Penrose (Paris, 1963). A narrativa de Penrose deixou Pizarnik completamente fascinada pela personalidade de Báthory e a ela dedicou uma obra-prima: o livro de Pizarnik possui descrições bastante precisas sobre os rituais de tortura praticados pela condessa, retratados de uma forma muito lírica.



Título: A Condessa Sangrenta
Autora: Alejandra Pizarnik
Ilustrações: Santiago Caruso
Editora: Tordesilhas
Ano de publicação: 2011
Número de páginas: 60
Compre aqui: Saraiva | Submarino | FnacLivraria Cultura




.

Sinopse: Novela de terror inspirada na vida da condessa húngara Erzébet Báthory, condenada pelo assassinato de 650 jovens mulheres com requintes de crueldade.Vários dos tormentos aos quais as jovens foram submetidas são descritos no livro.
Primeira obra da autora publicada no Brasil. Posfácio de João Silvério Trevisan (autor de Ana em Veneza e Devassos no Paraíso). Ilustrações do argentino Santiago Caruso.


VIRA PÁGINA #3 – O GUIA DO MOCHILEIRO DAS GALÁXIAS

09/08/2018



Adquira o seu aqui!


Então, gente, o Dia da Toalha é comemorado no mês de MAIO e, para não deixar em branco, nós publicamos lá no SuperAmiches mais um episódio do Vira Página. Este, foi sobre O Guia do Mochileiro das Galáxias.


Pôster do filme


Edson, Vinnie e eu convidamos o Evandro e o Luis falamos sobre o quanto amamos essa série. Comentamos sobre os cinco livros da série e ainda sobre o que achamos da adaptação do primeiro livro para o cinema.


Resenha: A princesa, o cafajeste e o garoto da fazenda - Alexandra Bracken

07/08/2018


Título: Star Wars: Uma Nova Esperança – A princesa, o cafajeste e o garoto da fazenda
Autora: Alexandra Bracken
Editora: Seguinte
Ano de publicação: 2015
Número de páginas: 264
Compre aqui: Saraiva | Submarino | Fnac | Livraria Cultura


.





Sinopse: Ainda que a Aliança Rebelde tenha ganhado algumas batalhas contra o Império, a esperança está se esgotando. O Império está prestes a revelar a Estrela da Morte, uma estação bélica capaz de destruir planetas inteiros num piscar de olhos. Agora, o destino da galáxia está nas mãos de uma princesa, um cafajeste e um garoto da fazenda... Esta é uma versão de Star Wars: Uma nova esperança (episódio IV) como você nunca viu. A edição vem acompanhada de ilustrações incríveis e apresenta a história original a uma nova geração de leitores, assim como fornece uma perspectiva inédita para os fiéis fãs da saga. Cada parte da narrativa é contada pelo ponto de vista de um dos três protagonistas, se aprofundando nos conflitos desses heróis que se unem para combater o mal que ameaça toda a galáxia.


**********
Oi, gente!

Eu falei nesse post aqui, que eu transferi o conteúdo do blog e algumas coisas deram errado com o backup. Então, algumas postagens estão sendo publicadas novamente, ok? Esta resenha de hoje foi originalmente escrita em agosto de 2016. Acrescentei alguns comentários e publico-a novamente agora com o link do vídeo-resenha que fiz lá no canal do blog.
Espero que curtam! ;)





RESENHA: UMA AMOR INCÔMODO - ELENA FERRANTE

05/08/2018


Ficha Técnica

Título: Um amor incômodo
Autora: Elena Ferrante
Editora: Intrínseca
Ano da edição: 2017
Número de páginas: 176


Compre o livro na Amazon 







Sinopse: Aos quarenta e cinco anos, Delia retorna a sua cidade natal, Nápoles, na Itália, para enterrar a mãe, Amalia, encontrada morta numa praia em circunstâncias suspeitas: a humilde costureira, que se acostumou a esconder a beleza com peças simples e sem graça, usava nada além de um sutiã caro no momento da morte. 
Revelações perturbadoras a respeito dos últimos dias de Amalia impelem Delia a descobrir a verdade por trás do trágico acontecimento. Avançando pelas ruas caóticas e sufocantes de sua infância, a filha vai confrontar os três homens que figuraram de forma proeminente no passado de sua mãe: o irmão irascível de Amalia, conhecido por lançar insultos indistintamente a conhecidos e estranhos; o ex-marido, pai de Delia, um pintor medíocre que não se importava em desrespeitar a esposa em público; e Caserta, uma figura sombria e lasciva, cujo casamento nunca o impediu de cortejar outras mulheres. 

Na mistura desorientadora de fantasia e realidade suscitada pelas emoções que vêm à tona dessa investigação, Delia se vê obrigada a reviver um passado cuja crueza ganha contornos vívidos na prosa elegante de Elena Ferrante.


VIRA PÁGINA #2 – FICÇÃO CIENTÍFICA

03/08/2018



Os senhores tem um minuto para escutar a palavra do nosso senhor Júlio Verne?




5 LIVROS AMBIENTADOS EM ESCOLAS

01/08/2018

Olá, pessoal!


Hoje é 1º de agosto e após um pequeno recesso em julho, algumas escolas aqui no Rio Grande do Sul estão retornando às aulas nesta semana. Então, resolvi fazer uma lista de 5 livros cujas histórias são ambientadas em escolas a fim de homenagear o próximo semestre que será de muito planejamento, de muitos alunos me incomodando estudando, de muito café consumido por mim, de muito trabalho e de muitas risadas.

Aqui estão alguns livros de que gostei bastante de fazer a leitura na época. Não é um TOP 10, nem TOP 5... nem sei se seria um "top"! Mas são livros cujas leituras foram muito bacanas. ;)




Cidades de Papel – John Green




.

Título: Cidades de Papel | Autor: John Green| Edição: 1 | Editora: Intrínseca | Ano: 2012 | ISBN: 9788580573749 | Páginas: 368 | Skoob


Sinopse: Quentin Jacobsen tem uma paixão platônica pela magnífica vizinha e colega de escola Margo Roth Spiegelman. Até que em um cinco de maio que poderia ter sido outro dia qualquer, ela invade sua vida pela janela de seu quarto, com a cara pintada e vestida de ninja, convocando-o a fazer parte de um engenhoso plano de vingança. E ele, é claro, aceita.
Assim que a noite de aventuras acaba e um novo dia se inicia, Q vai para a escola e então descobre que o paradeiro da sempre enigmática Margo é agora um mistério. No entanto, ele logo encontra pistas e começa a segui-las. Impelido em direção a um caminho tortuoso, quanto mais Q se aproxima de Margo, mais se distancia da imagem da garota que ele achava que conhecia.